Domingo, 5 de Abril de 2009

O Expresso deste fim-de-semana, na página 2, publica um artigo (não assinado) que é mais uma boa tentativa de demonstrar uma suposta união de esquerda em contra-ponto a uma suposta união da direita.

 

E digo uma tentativa pois nem há união à esquerda nem à direita!

 

Ora vejamos! Por muitas tentativas que tivessem existido de reeditar a coligação de esquerda que (des)governou Lisboa, já vários eixos que eram fundamentais a que isso acontecesse vieram afirmar que avançam sozinhos!

Portanto, esquerda unida? Não parece!

 

E união da direita? Olhando ao que tem vindo a público e até é referido no artigo do Expresso, quer isto dizer que, pelo menos, o MPT é de direita?

 

Só por aqui se vê que há tentativas que não passam disso mesmo, tentativas! Daquelas de lançar o barro a ver se cola!

 

E este artigo até dá azo a mais análises. Mas o nervosismo e inquietação que se sentem na Praça do Município e no Largo do Rato são tão claros que o óbvio não merece redundância!



Rodrigo Saraiva às 18:40 | link do post | comentar

Contacto
camaradecomuns@sapo.pt
Arquivo
2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
Siga-nos
Lemos Sempre
Tags

todas as tags

subscrever feeds